Cruzeiro

De Odivelas para o Mundo

Faixa Atual

Título

Artista

Atual

Atual


EFEMÉRIDES: 29 DE MARÇO – HÁ 210 ANOS OCORREU O DESASTRE DA PONTE DAS BARCAS

Escrito por em Março 29, 2019

EFEMÉRIDES

29 de março

1520 – D. Manuel I concedeu foral a Celorico de Basto.

1809 – Na sequência do pânico gerado pelas Invasões francesas, aconteceu o desastre da Ponte das Barcas, no Porto. Na fuga da população ao ataque do exército francês do general Soult, o único refúgio parecia estar na passagem para a outra margem, mas tanta gente, ao mesmo tempo, sobre a ponte, fez acontecer o desastre. Há historiadores que defendem a tese de, perante tamanho peso, as barcas começaram a afundar-se e as pranchas a despregarem-se. Outra versão garante que, foram os de Gaia, que para se protegerem da travessia dos soldados franceses, abriram o alçapão da ponte. Certo é que no desastre da Ponte das Barcas morreram mais de 4.000 portugueses. Na Ribeira, existe um pequeno monumento evocativo da tragédia e onde o Povo faz o culto das vítimas colocando flores e acendendo velas às “alminhas da ponte”.

1830 – Foi criada a Escola de Medicina Veterinária.

1907 – Saiu o primeiro número do jornal regional “Algarve”.

1911 – O Governo da I República alargou o ensino infantil, primário e normal a ambos os sexos.

1942 – Começou a deportação dos judeus franceses para o campo de extermínio nazi de Auschwitz.

1947 – O governo de Oliveira Salazar suspendeu a emigração, que passou a poder ser feita apenas ao abrigo dos acórdãos ou convenções, que regulassem as condições da sua admissão e estabelecimento nos países ou regiões de destino. O decreto-lei nº 36199, que implementava a medida, atribuía ao Ministério do Interior a faculdade de autorizar, por despacho, a saída do País de indivíduos que tivessem já obtido o passaporte de emigrante e em relação aos quais se verificassem circunstâncias de carater especial, que devessem ser consideradas. Mas nem privados da liberdade de movimentos os portugueses deixaram de fugir à miséria em que viviam no seu País e face à proibição de emigrarem, passaram a fugir a salto, correndo tremendos riscos, mas não desistindo da procura de um futuro melhor.

1985 – Portugal chegou ao acordo final, em Bruxelas, para a adesão à Comunidade Económica Europeia.

– Foi inaugurada a Mesquita de Lisboa.

1989 – O escritor João de Melo recebeu o Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores pela obra “Gente Feliz com Lágrimas”.

1991 – A pintora Maria Helena Vieira da Silva recebe a Legião de Honra de França.

1998 – Foi inaugurada a ponte Vasco da Gama, em Lisboa.

2004 – A NATO foi alargada a 26 países, com a entrada da Bulgária, Estónia, Letónia e Lituânia, Roménia, Eslováquia e Eslovénia.

2005 – O Grande Prémio de Literatura ITF/DST, de Braga, foi atribuído a “Fantasia para dois Coronéis e uma Piscina”, de Mário de Carvalho.

2006 — Portugal candidatou-se a membro fundador do novo Conselho dos Direitos Humanos da ONU.

2007 – Foi aprovada a reclassificação do Palácio de Belém, sede da Presidência da República, e de todo o seu conjunto intramuros como monumento nacional.

– O projeto de uma ponte pedonal entre Porto e Gaia, junto à atual Ponte D. Luís I, desenvolvido por alunos da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, venceu o Prémio Secil Universidades/2006.

– Morreu Maria Sidónio, aos 86 anos. Foi atriz, cantora e ceramista.

– Da Austrália aos Estados Unidos, edifícios públicos ou particulares e locais centrais de 35 cidades apagaram as luzes, às 20:00 locais, aderindo à iniciativa “Earth Hour”, que alertava para as alterações climáticas.

2010 – Um duplo ataque suicida em hora de ponta matou dezenas de pessoas no Metro de Moscovo. Eram 07:56, na capital russa, quando uma bombista se fez explodir num comboio da linha vermelha, na estação de Lubyanka, causando a morte a 23 pessoas.

2015 – Morreu em Lisboa, onde estava hospitalizado, aos 69 anos, Sevinate Pinto. Nasceu em Ferreira do Alentejo e licenciou-se em Engenharia Agrónoma pelo Instituto Superior de Agronomia e foi ministro da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas do 15º Governo Constitucional dirigido por Durão Barroso. Fez parte do grupo da última reforma da Política Agrícola Comum e foi considerado como um dos mais prestigiados altos funcionários portugueses da União Europeia. Em 2005 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Cristo.

2016 – Uma companhia ferroviária alemã decidiu introduzir as primeiras carruagens apenas para mulheres em alguns comboios da linha entre Leipzig e Chemnitz.

2018 – O Ministério Público, acusou o grupo GPS de ter cobrado indevidamente ao Estado mais de 800 mil euros em “horas de cargo fictícias” ao abrigo dos contratos de associação, relativas a trabalho prestado em escolas não abrangidas por este apoio.

=================.

Este é o octogésimo oitavo dia do ano. Faltam 277 dias para o termo de 2019.

Pensamento do dia: “Um homem de juízo, que conhece as coisas como são, forma delas ideias justas e verdadeiras, e as explica com as palavras mais próprias”. Luís António Verney (1717-1792), filósofo e pedagogo português.

Marcado como