Cruzeiro

De Odivelas para o Mundo

Current track

Title

Artist

Current show

Current show


EFEMÉRIDES: 17 DE DEZEMBRO – HÁ 21 ANOS MORREU NUNO DA SALVAÇÃO BARRETO

Written by on Dezembro 17, 2017

EFEMÉRIDES

17 de dezembro

1734 – Nasceu em Lisboa, a infante Maria Francisca Isabel Josefa Antónia Gertrudes Rita Joana, que haveria de ser rainha de Portugal, com o nome de D. Maria I entre março de 1777 e março de 1816. Foi a primeira rainha de Portugal, que por si só governou e empunhou o ceptro, por não haver príncipe varão e por não existir em Portugal a lei sálica, que afastava as mulheres do governo do Estado. O seu primeiro ato, como raínha, foi a demissão e exílio da corte do marquês de Pombal, a qquem nunca perdoara a forma brutal como tratou a família Távora. Rainha e amante da paz, dedicada a obras sociais, concedeu asilo a numerosos aristocratas franceses fugidos ao terror da Revolução Francesa. Era, no entanto, dada a melancolia e a grande fervor religioso. Conta-se, a esse respeito que, quando ladrões entraram numa igreja e espalharam hóstias pelo chão, decretou nove dias de luto, adiou os negócios públicos e acompanhou a pé e com uma vela, a procissão de penitência que percorreu Lisboa.

1830 – Morreu Simón Bolivar, líder das independências sul-americanas. É considerado nalguns países da América Latina como um herói, visionário, revolucionário, e libertador. Durante seu curto tempo de vida, levou a Bolívia, a Colômbia, Equador, Panamá, Peru e Venezuela à independência, e ajudou a lançar bases ideológicas democráticas na maioria da América Hispânica.

1906 – Nasceu em Tomar o maestro e compositor português Fernando Lopes-Graça. No dia em que concluiu, com a mais alta classificação, as provas de concurso para Professor de Solfejo e Piano do Conservatório Nacional, foi preso pela polícia política, encerrado no Aljube e, a seguir, desterrado para Alpiarça. Mais tarde concorreu a uma bolsa de estudo, na área da música, para Paris. Ganhou o concurso mas a decisão do Júri foi anulada por ordem da polícia política. Despois de ter estado novamente preso no Forte de Caxias foi libertado e parte para França por conta própria, aproveitando para ampliar os seus conhecimentos musicais. Em 1939 recusou a nacionalidade francesa, e por isso, foi forçado a regressar a Portugal. Onde lhe seria proposto dirigir os Serviços de Música da Emissora Nacional. Não chegou a tomar posse do cargo porque recusou assinar a declaração de “repúdio activo do comunismo e de todas as ideias subversivas” que, naquela altura, era exigida a todos os funcionários públicos. Foi feito Grande-Oficial da Ordem Militar de Sant’Iago da Espada e agraciado com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique. Em 1988 recebeu um Doutoramento Honoris Causa pela Universidade de Aveiro

1970 – Começou o julgamento do padre Mário de Oliveira, pároco de Macieira da Lixa, acusado de oposição à guerra colonial portuguesa. Foi enviado como capelão para a guerra colonial, onde se confrontou com os dramas pessoais dos soldados e com a ocupação colonial, que denunciou e, por isso, foi perseguido e acusado pela PIDE. Mantinha intensa actividade de jornalista, como director do jornal “Fraternizar”. Em  1999 publicou o livro “Fátima nunca mais” e conseguiu oito edições em 12 meses. Neste livro o Padre Mário de Oliveira tenta desfazer o mito e apresenta provas que desmentem as aparições de Fátima, referindo que a utilização de Jacinta, Francisco e Lúcia arruinou a vida das três crianças.

1973 – A Assembleia Geral da ONU excluiu os poderes de representatividade de Portugal sobre “os territórios em África”, limitando-os ao “interior das suas fronteiras na Europa”.

1986 – Médicos britânicos fizeram o primeiro transplante simultâneo de coração, pulmões e fígado, numa mulher de 35 anos. A intervenção decorre no hospital de Cambridge.

1994 – A Carta Europeia de Energia foi assinada em Lisboa, no último dia de Lisboa, Capital da Cultura 94.

1996 – Morreu o forcado Nuno Salvação Barreto, aos 67 anos. Foi fundador dos Forcados Amadores de Lisboa grupo de que foi cabo entre 1944 e 1991. Participou no filme “Quo Vadis?”, onde interpretando a personagem de Brutus  pegou um toiro em hastes limpas. Foi agraciado pela Câmara Municipal de Lisboa, condecorado pelo Presidente da República e recebeu a Medalha de Mérito Cultural.

2004 – Morreu Natércia Freire, escritora e jornalista, aos 85 anos. Foi autora de “Os Intrusos”.

2006 — Morreu Sebastião de Sousa Mendes, aos 83 anos, filho de Aristides Sousa Mendes, antigo diplomata português que salvou milhares de judeus durante a II Guerra Mundial.

2010 – Maria do Carmo Fonseca tornou-se a primeira mulher cientista a receber o Prémio Pessoa, o melhor galardão atribuído em Portugal da área da Cultura, das Artes e da Ciência, numa iniciativa conjunta do Expresso e da CGD. Maria do Carmo Fonseca dirigia o Instituto de Medicina Molecular.

2014 – Em discursos simultâneos o presidente norte-americano, Barack Obama, e o presidente cubano, Raúl Castro, anunciaram que, mais de 50 anos depois, os Estados Unidos e Cuba iriam reiniciar relações diplomáticas, prevendo-se o alívio das sanções económicas impostas desde 1962.

2016 – Foi conhecido o ranking de sucesso das escolas, elaborado pelo Ministério da Educação.As escolas públicas continuavam em queda a melhor entre elas, a Infanta D. Maria, em Coimbra, surgiu somente no 30.º lugar. Entre as dez melhores a Português estava uma escola com a maioria dos alunos de origem africana, a escola Dr.Azevedo Neves, da Damaia.

==============.

Este é tricentésimo quinquagésimo segundo dia do ano. Faltam 14 dias para o termo de 2017.

Pensamento do dia: “O que é a abundância? Um nome, nada mais. Ao sensato basta o necessário”. Eurípedes (480a.C-406a.C), filósofo grego.

Tagged as