Cruzeiro

De Odivelas para o Mundo

Current track

Title

Artist

Current show

Current show


EFEMÉRIDES: 16 DE DEZEMBRO – DATA DA MORTE DE AFONSO DE ALBUQUERQUE, O “CÉSAR DO ORIENTE”

Written by on Dezembro 16, 2017

EFEMÉRIDES

16 de dezembro

1515 – Morreu Afonso de Albuquerque. Chamavam-lhe O Grande, o César do Oriente, o Leão dos Mares, e o 2.º Vice-Rei e Governador da Índia Portuguesa, cujas ações militares, religiosas e políticas foram determinantes para o estabelecimento do Império Português no Oceano Índico. Foi reconhecido como um génio militar pelo sucesso da sua estratégia de expansão, com a qual procurou fechar todas as passagens navais para o Índico, a partir do Atlântico, Mar Vermelho, Golfo Pérsico e oceano Pacífico, construindo uma cadeia de fortalezas em pontos-chave para transformar este oceano num mare clausum português, sobrepondo-se ao poder dos otomanos, árabes e seus aliados hindus. Destacou-se tanto pela ferocidade em batalha como pelos muitos contactos diplomáticos que estabeleceu. Nomeado governador após uma longa carreira militar no Norte de África, em apenas seis anos, os últimos da sua vida, com uma força nunca superior a quatro mil homens, estabeleceu a capital do Estado Português da Índia em Goa; conquistou Malaca, ponto mais oriental do comércio Índico; chegou às ambicionadas “Ilhas das especiarias”, as ilhas Molucas; dominou Ormuz,  na entrada do Golfo Pérsico; e estabeleceu contactos diplomáticos com numerosos reinos da Índia, Etiópia, Reino do Sião, Pérsia e até a China. Pouco antes da sua morte foi agraciado com o título de vice-rei e “Duque de Goa” pelo Rei D. Manuel I, que nunca usufruiu, no que foi o primeiro português a receber um título de além-mar e o primeiro duque nascido fora da família real. Foi sepultado na igreja de Nossa Senhora da Serra em Goa, e passados 51 anos, foi trasladado, como dispusera em testamento para o convento de Nossa Senhora da Graça dos Religiosos Eremitas de Santo Agostinho da corte. A igreja da Graça ruiu com o terramoto de Lisboa de 1755 e  perdeu-se o rasto do túmulo original.

1934 – Nas eleições para a Assembleia Nacional e na ausência de listas da Oposição, todos os candidatos da União Nacional foram eleitos.

1961 – A Índia intimou Portugal a abandonar os territórios de Goa, Damão e Diu.

1970 – Foi assinada a Convenção da Haia para a repressão da pirataria aérea.

1972 – Ocorreu o massacre de Wiriyamu, em Moçambique, durante o qual os esquadrões especiais de Kaúlza de Arriaga e a PIDE causaram a morte a morte de cerca de 400 civis desarmados. O massacre viria a ser denunciado por missionários e pela Cruz Vermelha Internacional.

1974 – Foi constituída a União Democrática Popular, UDP.

1985 – O disco “Amália – Estranha Forma de Vida” foi distinguido com dois discos de platina.

1991 – Borges de Macedo, deu a última aula na Faculdade de Letras de Lisboa, onde exerceu a docência durante 35 anos. Foi distinguido com a Ordem de Santiago.

1993 – Os Comandos da Amadora foram extintos e integrados na brigada aerotransportada.

1994 – O poeta Herberto Helder, 64 anos, foi distinguido com o Prémio Pessoa, mas recusou os sete mil contos da distinção.

2005 – O Prémio Pessoa foi atribuído ao ator e encenador Luís Miguel Cintra.

2008 – A empresa de aviões Dyn’Aero Ibérica apresentou o primeiro avião totalmente construído em Portugal, na unidade fabril de Ponte de Sor.

2013 – O Governo anunciou que a décima avaliação regular da ‘troika’ ao programa de resgate de Portugal, ‘foi positiva’ e reiterou a intenção do executivo de ‘terminar o programa na data prevista.

2014 – O ministro da Economia, Pires de Lima, garantiu que o processo de privatização da TAP iria mesmo avançar independentemente da posição da plataforma sindical da transportadora aérea.

2015 – O Governo garantiu a subida do salário mínimo nacional para os 530 euros a partir de 1 de janeiro, a par da redução a Taxa Social Única de 0,75 pontos percentuais para as empresas.

2016 – Cientistas espanhóis sequenciaram o genoma do lince ibérico e concluíram que o seu ADN, deteriorado durante milénios, é atualmente menos diversificado do que o de outros animais ameaçados, como a chita ou o diabo da Tasmânia.

==============.

Este é o tricentésimo quinquagésimo dia do ano. Faltam 15 dias para o termo de 2017.

Pensamento do dia: “Não há inocentes. Só aqueles que ainda não nasceram ou os que já estão mortos podem aspirar à inocência”. Stig Dagerman (1923-54), escritor e jornalista sueco.

Tagged as