Cruzeiro

De Odivelas para o Mundo

Faixa Atual

Título

Artista

Atual

Cruzeiro da Noite

02:00 08:00

Atual

Cruzeiro da Noite

02:00 08:00


RADIO CRUZEIRO PRESENTE NO CONGRESSO A EUROPA COMO ESPAÇO DE DIALOGO INTERCULTURAL E DE MEDIAÇÃO

Escrito por em Abril 30, 2018

Celso Soares na sua intervenção no Painel dedicado aos Estudos Culturais

Celso Soares, colaborador da Radio Cruzeiro, esteve presente como conferencista, no congresso; A Europa Como Espaço de Diálogo Intercultural e de Mediação, realizado nos dias 26 e 27 na Universidade do Minho no  Campus de Gualtar, em Braga onde fez uma apresentação no Painel reservado aos Estudos Culturais, subordinada ao tema; Comunicação Intercultural na Europa.

Na sessão de abertura, o Dr. Pedro Calado, Alto Comissário para as Migrações, declarou que a  geração europeia do pós guerra, crescida num ambiente de paz e dialogo intercultural, na mobilidade do inter rail e na troca de experiências multiculturais, com os populares pen pal, com o Erasmus e agora também com as redes sociais,  criaram o cimento social que derrubou mitos e medos.

Em 2015 deu-se um aumento no acolhimento de estrangeiros que atingiu 208 000 entradas. Há por isso necessidade de mediação para facilitar a integração de diferentes nacionalidades culturas e religiões.

Em Portugal trabalham neste momento 100 mediadores  que funcionam como parceiros das equipas de mediação intercomunitária nas autarquias, universidades e politécnicos, onde estudam neste momento cerca de 40 000 estudantes internacionais, representativos de 10,5 por cento dos inscritos no ensino superior em Portugal.

A história pode funcionar como um antídoto ao populismo, como forma de pedagogia para esbater o medo do outro, afirmou o Alto Comissário. Salientou  ainda  a necessidade de mediação como autoridade para estabelecer uma cultura de toleraria e agilizar o dialogo de modo a diminuir a crise de confiança e o pânico de perda de identidade.

No painel reservado aos Estudos Culturais, Celso Soares, fez uma apresentação seguida atentamente pela assistência, subordinada ao tema; Comunicação Intercultural na Europa. O nosso colega defendeu a necessidade de dar a devida atenção ao impacto dos media na configuração do diálogo intercultural, na medida em que podem condicionar esse diálogo.

Acrescentou  ainda que no contexto social da Europa, este diálogo é fundamental para contribuir para o desenvolvimento de uma educação de qualidade. A comunicação intercultural pode contribuir para o conhecimento e a divulgação da cultura e da história dos povos europeus.

O autor do programa Savana Intercultural defende que, para desmistificar conceitos e preconceitos, nada melhor do que fazer uma aproximação integrada através da Comunicação Intercultural. A promoção da convivência cívica, o diálogo intercultural e a valorização das diferenças culturais poderão desempenhar um papel muito importante na boa integração local.

Apontou também a necessidade de um maior investimento na educação, para o entendimento intercultural como fator que pode ser fundamental no reforço da multiculturalidade nas relações comunitárias. A sua comunicação suscitou enorme interesse e um amplo debate que originou um momento de perguntas e reflexões a que Celso Soares deu o devido esclarecimento.

Num momento de descontração no intervalo das sessões, as conferencistas Cláudia Santa Cruz e Mónica Diniz da Polícia Municipal de Lisboa com Celso Soares da Rádio Cruzeiro

 

Paulo António Monteiro, a participar no debate que se seguiu à apresentação de Celso Soares sobre a Comunicação Intercultural na Europa.

 

Dr. Pedro Calado, Alto Comissário para as Migrações, a usar da palavra na Sessão inaugural do Congresso: A Europa como Espaço de Diálogo Intercultural e de Mediação