Cruzeiro

De Odivelas para o Mundo

Current track

Title

Artist

Current show

Current show


JOÃO PELA DEIXA DE SER MILITANTE DO CDS

Written by on Junho 30, 2021

João Pela deixou de ser militante do CDS-PP desde 24 de Junho 2021. Segundo comunicado do CDS Odivelas, o facto já foi comunicado pelo CDS ao Presidente da Assembleia Municipal de Odivelas, Miguel Cabrita, para que o deputado municipal passe à condição de Eleito Independente.

Pode ler, na integra, a nota de imprensa recebida na nossa redação sobre o caso João Pela.

Nota à Imprensa | N/Ref.CDS-96/21
Órgãos de Comunicação Social
A Comissão Política Concelhia de Odivelas do CDS-PP desmente categoricamente as declarações prestadas pelo Eleito António João Travanca Pela à imprensa local da Região Centro do País, onde o anterior Eleito do CDS na AM Odivelas é agora Candidato à CM Pombal pelo Partido “Chega!”, relativamente ao facto deste ter sido militante do CDS-PP até dia 25 de Setembro de 2020, dado que o ex-militante apresentou o seu pedido de desfiliação à Secretaria-Geral do Partido apenas no passado dia 23 de Junho de 2021, tendo esse pedido sido deferido no dia seguinte- 24 de Junho de 2021, ou seja, foi apresentado como Candidato primeiramente a presidente da Assembleia Municipal de Pombal e posteriormente a presidente da Câmara Municipal de Pombal pelo Partido “Chega!” ainda enquanto militante de Odivelas do CDS-PP e Eleito Municipal pelo mesmo Partido na Assembleia Municipal de Odivelas. Desmentimos, igualmente, como referiu recentemente o Eleito João Pela em declarações à Lusa, que o mesmo seja “Líder da Bancada do CDS-PP na AM Odivelas”, publicadas dia 25 de Junho de 2021, uma vez que este já não era Militante do CDS-PP desde 24 de Junho de 2021, ludibriando assim os jornalistas locais que o entrevistaram, dado que estava já obrigado nos termos do n.º3 do Artigo 17º do Regimento da Assembleia Municipal de Odivelas em vigor a transitar automaticamente para o estatuto de Eleito Independente, visto não integrar a essa data qualquer Grupo ou Bancada Municipal ou estar inscrito em Partido diferente daquele pelo qual foi eleito para o mandato. Essa obrigação de informação compete primeiramente aliás ao referido Eleito, o que não tendo sucedido até ao passado dia 29 de Junho de 2021, e tendo deliberadamente o Eleito João Pela intervindo e participado na 3ª Sessão ordinária da AM Odivelas realizada dia 24.06.2021 e na 8ª Sessão extraordinária da AM Odivelas realizada dia 29.06.2021, em representação do CDS-PP quando não era nas referidas datas sequer Militante do CDS-PP, desencadeou subsidiariamente a que o Secretário-Geral do CDS-PP e o Presidente da Comissão Política Concelhia de Odivelas, enviassem missivas ao Sr. Presidente da Assembleia Municipal de Odivelas, Miguel Cabrita, no dia 29 de Junho de 2021, informando da obrigatoriedade da alteração de denominação do referido Eleito Municipal para Eleito Independente, uma vez que o referido Eleito não era já Militante do CDS-PP nem representava o Partido naquele Órgão Autárquico.
Lamentavelmente, e como é apanágio do referido Eleito, João Pela agiu sempre de má fé e com manifesta deslealdade institucional com esta estrutura concelhia nos últimos 4 anos do atual mandato autárquico, durante os quais nunca quis articular com a CPC Odivelas do CDS-PP, votando nas Sessões da AM Odivelas em sentido oposto às orientações/ instruções que lhe eram enviadas por via escrita pelo órgão máximo de intervenção e representação política do CDS-PP em Odivelas. Como exemplo, o referido Eleito Municipal votou favoravelmente as GOP- Grandes Opções do Plano e o Orçamento Municipal relativos ao Ano 2020 e 2021 proposto pelo atual Executivo Municipal Socialista de Odivelas, contrariamente à posição política assumida pela CPC Odivelas do CDS-PP em Audiência concedida pelo Sr.Presidente da CM Odivelas, ao abrigo do Estatuto de Oposição, ignorando essa mesma posição e agindo deliberadamente contra uma recomendação/ orientação expressa da CPC. A Secretaria-Geral do Partido e a Comissão Política Concelhia de Odivelas do CDS-PP enviaram no passado dia 29 de Junho de 2021 a informação da desfiliação do referido Eleito Municipal com referência a 24 de Junho de 2021, data em que ficou desafeto da militância centrista, com vista a que este exerça o mandato autárquico como Eleito Não Inscrito ou Eleito Independente, uma vez que este não pode sequer representar legitimamente o CDS- PP na Assembleia Municipal de Odivelas visto não ser já militante do nosso Partido. Recordamos que ao Eleito João Pela foi retirada a confiança política pela CPC Odivelas do CDS-PP logo na 2ª Reunião de Comissão Política Concelhia de 20.07.2018 no Mandato 2018- 2020, tendo a mesma sido sufragada em Plenário Concelhio de Odivelas do CDS-PP realizado a 18.01.2019, no qual foi deliberado por unanimidade dos militantes centristas presentes em plenário a instauração de um Processo Disciplinar nos órgãos jurisdicionais do Partido, o que sucedeu logo em 2019. Por último, informamos que correm ainda termos 3 Processos Disciplinares movidos pela CPC Odivelas do CDS-PP, o primeiro dos quais em 2019 e os dois últimos em 2021, solicitando a Expulsão imediata e definitiva do militante António João Travanca Pelada Concelhia de Odivelas do CDS-PP, em virtude deste exercendo funções de Eleito Municipal na AM Odivelas eleito pelo CDS-PP e sendo ainda Militante da Concelhia de Odivelas do CDS-PP ter aceite cumulativamente ser Candidato à Câmara Municipal de Pombal pelo Partido “Chega!” nas próximas Eleições Autárquicas 2021, sendo estas absolutamente incompatíveis e passíveis de Expulsão automática do Partido.

Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *