Cruzeiro

De Odivelas para o Mundo

Faixa Atual

Título

Artista

Atual

Atual


EFEMÉRIDES: 3 DE JUNHO – O BIKINI FAZ 62 ANOS

Escrito por em Junho 3, 2018

EFEMÉRIDES

3 de junho

1822 – Foi publicada a Lei dos Foros do regime Liberal português, que reduziu os impostos aos morgadios.

1919 – Começou a greve dos caminhos de ferro portugueses, que haveria de durar dois meses. No final o Governo encerrou o sindicato dos ferroviários.

1924 – Morreu o escritor checo Franz Kafka, aos 42 anos. Foi autor de “Processo”, “América” e “Metamorfose”.

1926 – António de Oliveira Salazar foi nomeado pela primeira vez como para ministro das Finanças.

1935 – O paquete francês Normandie bateu o recorde de velocidade na viagem inaugural, atravessando o Atlântico em quatro dias e 11 horas.

1937 — O duque de Windsor, antigo rei Eduardo VIII que tinha abdicado do trono inglês para o efeito, casou-se com a norte-americana Wallis Simpson.

1946 – O estilista francês Louis Reard apresentou o bikini, o novo fato de banho para a mulher, baptizado com o nome do atol dos testes nucleares dos EUA, no Pacífico. O primeiro desfile do novo fato de banho realizou-se depois, a 05 de julho, na piscina Molitor em Paris.

1965 — O astronauta norte-americano Edward White, da missão Gemini IV, tornou-se no primeiro homem a permanecer no espaço, abandonando a nave durante 20 minutos.

1973 — John Dean, antigo conselheiro do presidente dos EUA, garantiu perante o Senado que Richard Nixon discutiu a tentativa de encobrimento do caso Watergate, na sua presença, “pelo menos 35 vezes”.

1979 — Morreu o automobilista e comentador desportivo Joaquim Filipe Nogueira, vencedor dos Grandes Prémios de Madrid e Nurburgring, em Fórmula 3.

1985 – Morreu Joaquim Catanho de Meneses, aos 58 anos. Foi fundador e dirigente histórico do PS.

1989 – Registaram-se confrontos diretos entre os estudantes chineses do movimento pró-democracia e a polícia, na Praça Tiananmen, em Pequim.

1996 – A escritora Teolinda Gersão venceu o Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores com a obra “A Casa da Cabeça de Cavalo”.

2001 – Morreu, em Lisboa, o editor Manuel Hermínio Monteiro, 48 anos, dirigente da Associação Portuguesa de Editores e Livreiros, diretor da Assírio e Alvim.

2003 – A escritora Sophia de Mello Breyner Andresen é distinguida com o Prémio Rainha Sofia de Poesia.

2004 — O Ministério da Educação anunciou o fecho de 803 escolas do primeiro ciclo.

2005 – O cineasta português Manoel de Oliveira foi condecorado com a Legião de Honra de França.

2007 – Vanessa Fernandes venceu a etapa de Madrid da Taça do Mundo de triatlo.

2008 – Foi inaugurada a Casa Ronald McDonald, que tem como objetivo acolher os familiares das crianças, que se deslocam um pouco de todo o país para receber tratamento hospitalar prolongado ou ambulatório no Hospital D. Estefânia, Lisboa.

2009 – O artista plástico Júlio Pomar foi distinguido, por unanimidade, com o Prémio da Latinidade “João Neves da Fontoura” 2009 da União Latina.

2010 – Morreu, aos 66 anos, o escritor e jornalista João Aguiar, autor de “A Voz dos Deuses” e de “O Priorado do Cifrão”.

2012 – A luso-canadiana Alexandra Mendes foi eleita presidente do Partido Liberal do Quebeque durante o congresso da força partidária que se realizou em Montreal, no Canadá.

– Um avião com 153 passageiros despenhou-se em Lagos, a maior cidade da Nigéria.

2015 — Morreu Horst Brandstaetter, dono e diretor da empresa de brinquedos alemã Playmobil, produtora das pequenas peças plásticas adoradas pelas crianças. Contava  aos 81 anos.

2016 – O parlamento rejeitou três projetos de lei apresentados pelo BE, PEV e PAN e que iam no sentido de limitar a participação em touradas e eventos do género a maiores de idade.

2017 – Pelo menos cinco pessoas ficaram feridas depois de terem sido atropeladas por uma carrinha na London Bridge, no centro de Londres, e o condutor foi detido.

===============.

Este é o centésimo quinquagésimo quarto dia do ano. Faltam 211 dias para o termo de 2018.

Pensamento do dia: “Talvez haja apenas um pecado capital: a impaciência. Pela impaciência, fomos expulsos do Paraíso; pela impaciência, não podemos voltar”. Franz Kafka (1883-1924), escritor checo.

 

Marcado como