Cruzeiro

De Odivelas para o Mundo

Faixa Atual

Título

Artista

Atual

Cruzeiro da Noite

00:00 08:00

Atual

Cruzeiro da Noite

00:00 08:00


EFEMÉRIDES: 26 DE JANEIRO – FAZ 4 ANOS QUE DEMIS ROUSSOS MORREU

Escrito por em Janeiro 26, 2019

EFEMÉRIDES

26 de janeiro

1531 – Um sismo destruiu parte da cidade de Lisboa, em particular a colina de Santa Catarina.

1812 – Morreu Rodrigo de Sousa Coutinho. Foi o promotor do Gabinete de História Natural e do Jardim Botânico da Ajuda, em Lisboa.

1821 – Começou a redação da Constituição de 1822, com a primeira reunião efetiva das Cortes Gerais Extraordinárias e Constituintes.

1893 – Morre José Gregório Rosa Araújo. Foi presidente da Câmara Municipal de Lisboa e o grande impulsionador da construção da Avenida da Liberdade.

1897 – Foi celebrado o Tratado de Comércio e Navegação entre Portugal e o Japão.

1945 – O Exército Vermelho chegou a Auschwitz, na Polónia, o campo nazi de extermínio.

1973 – Francisco de Sá Carneiro, deputado da Ala Liberal na Assembleia Nacional, renunciou ao cargo.

1974 – Realizou-se uma reunião do Movimento dos Capitães, no Estoril, na qual foram definidos os objetivos políticos do futuro Programa do MFA.

1976 — A revisão do Pacto MFA-Partidos foi assinada pelo CDS, MDP/CDE, PPD e PS.

– Morreu o cavaleiro tauromáquico português João Branco Núncio.

1995 – O Governo português limitou o horário de funcionamento das grandes superfícies comerciais.

1996 – Morreu António Amaro Monteiro. Foi um destacado oposicionista à ditadura do Estado Novo.

2004 – O produtor de cinema Vasco Lucas Nunes recebeu o Grande Prémio do Júri de Documentário do Festival de Sundance, pelo filme “Dig!”.

2005 – Eduardo Souto Moura recebeu o Prémio Secil de Arquitectura, pelo projeto do Estádio de Braga.

2006- Foi aprovado o regime de acessibilidade aos edifícios e via pública.

2010 – Morreu, aos 75 anos, o guitarrista Jorge Fontes.

2103 – Foi inaugurada uma escultura de uma oliveira com quase cinco metros foi instalada junto à casa onde o escritor José Saramago viveu, em Tías, na Ilha de Lanzarote, em homenagem ao Nobel da Literatura português

2014 – Vários milhares de pessoas manifestaram-se, em Paris, sob chuva, para pedir a demissão do presidente de França, François Hollande.

2015 Morreu o cantor Demis Roussos aos 68 anos, em Atenas, disse à agência France Presse uma fonte médica. Demis Roussos tornou-se popular nos anos 1970 como membro do grupo Aphrodite’s Child, tendo depois iniciado uma carreira a solo, a partir da década de oitenta, durante a qual vendeu mais de 60 milhões de álbuns em todo o mundo. Nasceu em Alexandria, no Egito, onde viveu a infância até a família ter sido obrigada a mudar-se para a Grécia no início dos anos 60, na sequência da segunda guerra israelo-árabe, a Crise do Suez.

2016 – O parlamento dinamarquês aprovou uma reforma da lei do asilo, que endureceu as regras da imigração e passou a prever, o confisco de bens aos refugiados.

2017 -O Governo aprovou em Conselho de Ministros a redução progressiva do Pagamento Especial por Conta para as Pequenas e Médias Empresas.

2018 – O Museu Guggenheim de Nova Iorque rejeitou o pedido de Trump para que lhe fosse emprestado um quadro de Van Gogh. Em alternativa, sugeriu uma sanita de ouro de 18 quilates.

===================.

Este é o vigésimo sexto dia do ano. Faltam 340 dias para o termo de 2019.

Pensamento do dia: “A livre comunicação dos pensamentos é um dos mais preciosos direitos do homem”. Artigo VIII da Constituição Portuguesa de 1822.

 

Marcado como