Cruzeiro

De Odivelas para o Mundo

Current track

Title

Artist

Current show

Cruzeiro da Noite

00:00 08:00

Current show

Cruzeiro da Noite

00:00 08:00


EFEMÉRIDES: 22 DE OUTUBRO – DATA DO NASCIMENTO DE D.JOÃO V.

Written by on Outubro 22, 2017

EFEMÉRIDES

22 de outubro

Dia Internacional da Gaguez

Feriado Municipal em Grândola

1689 – Nasceu D. João V. Apelidado de “o Magnânimo”, foi Rei de Portugal e Algarves de 1706 até sua morte. O seu longo reinado de 43 anos pode ser dividido em dois períodos: uma primeira metade, em que Portugal teve um papel ativo e de algum relevo na política europeia e mundial; e uma segunda metade, a partir da década de 1730, em que a aliança estratégica com a Grã-Bretanha gradualmente assumiu maior importância, e o reino começou a sofrer uma certa estagnação. Como rei, João V tentou projetar Portugal como uma potência internacional. Exemplos disso são as faustosas embaixadas que, por vários motivos, enviou ao imperador Leopoldo ao rei Luís XIV de França e ao papa Clemente XI. Outro exemplo, foi o litígio que manteve com a Santa Sé na década de 1720, sobre a questão do cardinalato a atribuir ao núncio apostólico na capital portuguesa. João V foi também um grande edificador, dotando principalmente a capital portuguesa de numerosas construções. Fomentou o estudo da história e da língua portuguesa, não conseguindo, no entanto, melhorar significativamente as condições da manufactura nacional e gastou a maior parte da riqueza que chegava do Brasil nos edifícios que construiu. Os principais testemunhos materiais do seu tempo são o Palácio Nacional de Mafra, a Biblioteca Joanina da Universidade de Coimbra, o Aqueduto das Águas Livres em Lisboa, e a maior parte da colecção do Museu Nacional dos Coches, possivelmente a mais importante a nível mundial. No campo imaterial, merece destaque a extinta Academia Real da História Portuguesa, precursora da actual Academia Portuguesa da História, assim como a criação do Patriarcado de Lisboa, um dos três patriarcados do Ocidente da Igreja Católica.

1721 – Pedro, O Grande, proclamou-se czar de todas as Rússias.

1797 – André-Jacques Garnerin fez, em Paris, o primeiro salto com paraquedas.

1896 – Nasceu o dramaturgo e cineasta Leitão de Barros, realizador de “A Severa”, o primeiro filme sonoro português.

1945 – Foi criada a Polícia Internacional de Defesa do Estado, a PIDE, que veio alargar a acção repressiva da extinta Polícia de Vigilância e Defesa do Estado.

1962 – O presidente norte-americano John F.Kennedy ordenou o início do bloqueio a Cuba, depois de ter sido confirmada a existência de bases de mísseis da URSS na ilha.

1964 – O escritor e filósofo francês Jean-Paul Sartre recusou receber o Prémio Nobel de Literatura.

1969 – Abriu o Teatro Maria Matos, em Lisboa, com a peça “Tombo do Inferno”, de Aquilino Ribeiro.

1977 – Foi criada, na Argentina, a organização Avós da Praça de Maio, para reclamar o reencontro com milhares de crianças desaparecidas durante a ditadura de Pinochet.

1984 – Ernâni Lopes, à altura ministro das Finanças, estabeleceu com a Comissão Europeia os teros finais da adesão de Portugal à CEE.

1988 – Morreu, em Portalegre, com 64 anos, o poeta João Apolinário.

2002 – Realizou-se pela primeira vez em Portugal, no Hospital de São João, no Porto, a primeira cirurgia para o tratamento da doença de Parkinson.

2003 – A braquiterapia, um novo tratamento para o cancro da próstata, começou a ser aplicada no Hospital do Desterro, em Lisboa.

2004 – O túnel ferroviário do Rossio, em Lisboa, foi encerrado à circulação. A decisão assentou nas conclusões de um relatório datado de 2000 e que aconselhava a reabilitação global do túnel.

– O  filme de Luis Filipe Rocha “A Passagem da Noite” conquistou o prémio para a melhor longa-metragem no Festival de Havre.

2009 – Morreu aos 66 anos o compositor e guitarrista Manuel Mendes.

2014 – Um atirador foi morto em Otava na sequência de três tiroteios distintos, que ocorreram no Parlamento canadiano.

2015 – Um homem mascarado e armado com uma espada atacou uma escola na Suécia.

2016 – Um mega ataque terrorista deixou os gigantes da Internet em dificuldades e paralisou algumas grandes empresas.

– – – – – – –

Este é o ducentésimo nonagésimo quinto dia do ano. Faltam 70 dias para o termo de 2017.

Pensamento do dia: “Quando os ricos fazem a guerra, são os pobres que morrem”. Jean Paul Satre (1905-80) escritor e filósofo francês.

Tagged as