Cruzeiro

De Odivelas para o Mundo

Faixa Atual

Título

Artista


A Esquiadora Vanina Guerillot Conquista o 3.º Lugar no Gran Prix International Citadin,

Escrito por em Dezembro 21, 2021

La Plangne 21 Dezembro 2022 -A esquiadora Vanina Guerillot conquistou o 3.º lugar no Gran Prix International Citadin, em La Plagne (França) na prova de Slalom Gigante em representação de Portugal.

Vanina é uma atleta luso-francesa, filha de uma portuguesa e de um treinador francês de esqui. Em declarações à Federação de Desportos de Inverno de Portugal revelou que,  “a mãe é portuguesa mas já nasceu em França. Os avós é que emigraram para França, vindos de uma pequena localidade perto de Guimarães”, explica a aluna do 12º ano que revela querer prosseguir os seus estudos universitários em “algo relacionado com Geologia e Ambiente”.

Foi o amor às origens nacionais misturado com alguma curiosidade que a fez contactar, há quatro anos, a Federação de Desportos de Inverno de Portugal.

“Tinha dupla nacionalidade e pensei que seria uma boa ideia. Representar Portugal é muito especial para mim pois é um país pequeno, com pouca tradição no esqui, mas com uma federação cheia de gente muito motivada e com alguns jovens atletas que estão a dar grande visibilidade a Portugal”, explica Vanina.

Quanto ao esqui, esse faz parte da sua vida praticamente desde que começou a andar, conta: “O meu pai era professor de esqui na estância de Saint-Hilaire du Touvet e comecei assim, muito pequena.”

O primeiro resultado de vulto surgiu em 2016, no Troféu Topolino (Itália) uma das mais conceituadas prova de esqui juvenil do Mundo: um segundo lugar na disciplina de slalom gigante. No mesmo ano somou outro segundo lugar no Troféu La Scara, em Val D’Isere.

Atualmente, os Jogos Olímpicos são “um sonho de sempre” mas que hoje em dia é algo mais solido: “Cada ano que passava tornava-se um pouco mais próximo e desde  ano passado deixou mesmo de ser um sonho para passar a ser algo concreto.”

Um objetivo que lhe dá ânimo durante as quatro horas de treino diário. “A minha rotina diária passa por quatro horas de treino matinal, depois repouso e estudo e à noite vejo vídeos do treino para corrigir pequenas questões técnicas”, resume.

Uma rotina que sofreu forte abalo com as medidas de quarentena impostas por causa da pandemia de COVID-19.

PALMARÉS

  • 2ª Troféu Topolino 2016
  • 2ª Troféu La Scara 2016
  • 3ª Campeonato de França sub-16 2018
  • 37ª Campeonatos do Mundo 2019
  • 38ª Campeonatos do Mundo Júnior 2019
  • 24ª Combinado Alpino Campeonatos do Mundo Júnior 2020

Acrescenta agora ao seu palmares o 3.º lugar no Gran Prix International Citadin, em La Plagne (França) na prova de Slalom Gigante.

Esqui Alpino e Esqui de Fundo garantem três atletas de Portugal nos Jogos Olímpicos de Inverno Pequim 2022. Snowboard e Patinagem de Velocidade tentam qualificação


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *